quarta-feira, 7 de fevereiro de 2018

NÃO HÁ INOCÊNCIAS CEGAS PARA O SER!

Todos se vestem
como anjos e menestréis,
abusam da alva palavra

volátil
e bancam os puritanos,
os moralistas

e os que pregam
a fé, a paz, a dignidade social e a justa
divisão das coisas entre
os demais daseins;

todos também,
quando tangenciam as luzes, com seus segredos
tão loucos e libidinosos como
terríveis,

fodem asas,
corações, corpos e psiquésque deixaram,
por eles, durante o caminho de céus,
de chãos e de pedras,
apaixonados!